Pré-jogo Brasil e Argentina: o jogo mais esperado do ano!

4 de setembro de 2009

É amanhã. O jogo do Brasil mais esperado do ano, um dos maiores (para a gente o maior) clássicos do futebol mundial. Brasil e Argentina se enfrentam às 21:50h (horário de Brasília) na Argentina, mais especificamente na cidade de Rosário, no estádio Gigante de Arroyito que estará um verdadeiro caldeirão! Como escrito aqui anteriormente, o estádio é apertado e a torcida ficará em cima dos jogadores brasileiros, pressionando durante toda a partida!

Será o jogo de número 93 entre as seleções, numa história que já tem 95 anos. O Brasil leva vantagem no confronto, são 36 vitórias brasileiras contra 33 vitórias argentinas. Brasil e Argentina empataram 23 vezes. Mas a missão do Brasil será complicada, a Argentina não perde há 41 jogos em casa. A última derrota aconteceu no dia 28 de dezembro de1996, em um amistoso contra a antiga Iugoslávia, em Mar del Plata. Depois dessa derrota, a Argentina venceu 31 partidas e empatou 10. Um retrospecto invejável.

Para os valentes brasileiros que pretendem assistir à partida, os ingressos para Argentina x Brasil começaram a ser vendidos na manhã dessa sexta-feira. Mas pior do que ser absoluta minoria em um estádio repleto de argentinos é o preço cobrado pelo ingresso: cada entrada está custando 450 pesos, o que dá quase 225 reais! Para os torcedores argentinos, o ingresso mais caro foi vendido por 350 pesos, cerca de 175 reais, com o mais barato custando 50 pesos, meros 25 reais! Alguns brazucas desistiram da compra ao saberem do abuso.

Sacanagem argentina: ingressos para os brasileiros com preços abusivos

Sacanagem argentina: ingressos para os brasileiros com preços abusivos


Enquanto a situação está preta para os torcedores brasileiros, os jogadores brasileiros também podem esperar uma verdadeira guerra em campo. O técnico da Argentina, Diego Armando Maradona, concedeu uma coletiva na noite da última quinta-feira e garantiu que seu time atacará o Brasil o tempo inteiro: “A ideia é pressionar o Brasil, ter atenção nos rebotes, isto é algo que já conversamos há muito tempo. Digo aos jornalistas brasileiros aqui presentes: vamos atacar o Brasil”, setenciou Maradona. Quando perguntado sobre a pressão dos argentinos quanto à classificação para a Copa 2010, ele foi direto: “Pressão tem a pessoa que sai às 5h da manhã para trabalhar, ganhando um salário ruim. Jogador de futebol tem responsabilidade, o que é outra coisa completamente diferente”.
Maradona garante que Argentina partirá pra cima do Brasil

Maradona garante que Argentina partirá pra cima do Brasil


Pelo que se viu nos treinos, a Argentina deve entrar em campo com Andújar, Zanetti, Otamendi, Sebá Domínguez e Heinze compondo a defesa. Maxi Rodríguez, Mascherano, Verón e Dátolo farão o meio e o ataque terá Messi e Tevez, que ficou com a vaga de Aguero. Do lado do Brasil, não é mistério para ninguém que a base da seleção é a mesma que conquistou a Copa das Confederações. A única dúvida é no meio, onde ainda não está certo se Dunga escalará Ramires ou Elano. Mas o time deve começar com Júlio César, Lúcio, Luisão (no lugar de Juan), Maicon e André Santos na defesa. No meio campo Gilberto Silva, Felipe Mello, Ramirez ou Elano e Kaká. O ataque vem com Robinho e Luís Fabiano.

Adriano, que voltou a ser convocado por Dunga, fica no banco. Mas o atacante já tem feito um certo lobby para cavar uma vaguinha entre os titulares. Autor do único gol no coletivo de ontem, Adriano se cercou de argumentos para participar do jogo: “Se eu fosse escalado, os argentinos teriam um choque. E a responsabilidade deles aumentaria ainda mais. O Dunga sabe o que faz, tem o esquema na cabeça. Se eu começar jogando a tensão deles vai aumentar, até porque será um ataque de porte físico grande”. O jogador ainda afirma que poderia compôr um quadrado ofensivo com Kaká, Robinho e Luís Fabiano.

Adriano tenta cavar sua vaga entre os titulares

Adriano quer cavar sua vaga entre os titulares


Nas últimas sete partidas entre Brasil e Argentina a Seleção Brasileira venceu quatro vezes, empatou duas e perdeu apenas uma em 2005, numa partida válida pelas eliminatórias da Copa do Mundo da Alemanha em Buenos Aires. Dentro desses sete jogos ocorreram três decisões, duas de Copa América e uma de Copa das Confederações. Todas vencidas pelo Brasil. Não perca, vai ter guerra nesse sábado! Argentina x Brasil 21:50h. Não perca tudo sobre Brasil e Argentina aqui no Jogo do Brasil, logo após a partida!

1 Comentário

Publique seu comentário

  1. harisson fraga
    set 05 at 23:08

    o brasil tem chance de perder

Publique seu comentário