Holanda 2×0 Dinamarca – Laranjas mostram que são um dos favoritos

14 de junho de 2010

O quarto dia de Copa do Mundo começou com uma das partidas de estreia mais esparada da fase de grupos. Holanda x Dinamarca se enfrentaram no estádio Soccer City no que para muitos seria um jogaço. Até o momento, Alemanha 4×0 Austrália tinha sido o melhor jogo de estreia, mas Holanda x Dinamarca tinha tudo para superar em qualidade técnica qualquer jogo até agora.

Muita gente tem reclamado do baixo nível técnico das partidas iniciais do mundial, mas vamos dar um crédito. Afinal, trata-se apenas do jogo de estreia das seleções na competição mais importante do mundo, portanto é normal o nervosismo e consequente medo de perder, o que leva a partidas truncadas e sem muita ofensividade. A tendência é que a partir do segundo jogo de cada grupo a coisa esquente, pois já serão confrontos decisivos para muitos times.

Mas a Holanda ignorou essa história de nervosismo na estreia e fez uma boa partida, segura e digna de favorito na Copa 2010. Com muita velocidade e movimentação, o começo do jogo já mostrava o que seria: a Holanda no ataque, agredindo e a Dinamarca fechada tentando sair no contra-ataque. Os dinamarqueses começaram fazendo muitas faltas até conseguirem acertar a marcação e continuaram jogando duro, característica marcante do futebol escandinavo.

Sem Robben no ataque, a Holanda contava com os meio-campistas Van der Vaart e Sneijder e os atacantes Kuyt e Van Persie para chegar ao gol, mas a marcação da Dinamarca era implacável e a tática de sair em contra-ataque começava a surtir efeito. Aos 26, o bom jogador Rommedahl recebe na direita, levanta a cabeça e cruza na medida para a cabeçada de Bendtner que passa à esquerda do gol, levando perigo. A posse de bola holandesa era muito maior, mas quem ameaçava era a Dinamarca. Em mais um veloz contra-ataque Rommedahl arrisca de fora da área e Stekelenburg faz boa defesa, sem dar rebote.

O momento era bom para a Dinamarca, que conseguia anular os ataques holandeses com eficácia. Rommedahl mais uma vez faz boa jogada e escorrega para a entrada de Kahlemberg pela ala esquerda. Ele bate cruzado para mais uma defesa de Stekelenburg. A Holanda continuava no seu jogo de paciência, tocando bem a bola no meio, mas quando se aproximava do gol da Dinamarca a defesa levava a melhor. O número de faltas da Dinamarca era grande, mas ironicamente o primeiro cartão saiu para um holandês: De Jong recebeu o amarelo após falta em Bendtner. Fim do primeiro tempo.

O segundo tempo começa com o primeiro gol contra da Copa 2010. Van Persie cruze, Simon Poulsen tenta cortar e cabeceia torto, nas costas do companheiro de zaga, matando totalmente o goleiro Sorensen. Holanda 1×0 Dinamarca com 1 minuto da segunda etapa. A tática dinamarquesa de se fechar e jogar no contra-ataque, que funcionou tão bem na primeira etapa, não poderia ser mais utilizada. Agora eles teriam que sair para o jogo.

Gols Holanda 2×0 Dinamarca Copa 2010
Melhores momentos Holanda e Dinamarca Copa 2010

Mas a Dinamarca demorou para ir com mais força ao ataque. Continuou marcando forte, fechada e só começou a sair mais depois dos 20 minutos. O técnico holandês percebeu e tirou Van Der Vaart para a entrada do veloz Elia, que na sua primeira jogada limpou dois marcadores e cruzou para Van Persie que chutou travado.

Elia entrou bem na partida e dava trabalho para a zaga dinamarquesa. Sorensen tira de soco mais um bom cruzamento do ponta e a bola sobra para Van Bommel que invade e chuta para mais uma defesa de Sorensen. Aos 30 e com a Dinamarca cada vez mais desgastada, o técnico holandês faz mais uma substituição para engrossar o ataque laranja: Afellay entra no lugar de Van Persie.

O segundo gol estava amadurencendo. Aos 36 Sneijder arrisca de fora da área, a bola desvia na zaga e bate no travessão. Logo depois, aos 39 minutos do segundo tempo, sai o golpe de misericórdia. Sneijder lança bem Elia que toca na saída do goleiro. A bola toca na trave e no rebote Kuyt completa para o segundo gol da Holanda. Holanda 2×0 Dinamarca.

Holandeses comemoram segundo gol de Kuyt

Holandeses comemoram com Kuyt o segundo gol


Foi o jogaço que muitos esperavam? Não, mas foi um bom jogo, com a Holanda superando tecnicamente todas as seleções que já estrearam, com exceção da Alemanha (e talvez Argentina), com facilidade. A Dinamarca foi bem no primeiro tempo (Rommedahl deu muito trabalho), com uma proposta de jogo que funcionou bem, mas o gol contra no comecinho do segundo tempo quebrou a tática dinamarquesa. Depois de um primeiro tempo difícil, a Holanda ganhou um gol de presente e dominou o jogo até ampliar e dar números finais à partida.

A Holanda não jogou tudo o que se espera dela, mas enfrentou uma seleção de respeito e venceu bem. Os holandeses não perdem há dois anos e nos amistosos de preparação mostraram que vêm fortes. Com essa estreia, a Holanda se junta a Brasil, Espanha, Itália (será?), Alemanha, Inglaterra e Argentina como favorita ao título (antes que alguém comente que esquecemos da França, não foi o caso. Achamos que ela não tem chance mesmo).

FICHA TÉCNICA HOLANDA 2 X 0 DINAMARCA

Estádio: Soccer City, Johannesburgo (AFS)
Data-Hora: 14/6/2010 – 8h30 (de Brasília)
Árbitro: Stephane Lannoy (Fifa/FRA)
Auxiliares: Eric Dansault (Fifa/FRA) e Ugo Laurent (Fifa/FRA)
Cartões Amarelos: De Jong, Van Persie (HOL); Kjaer (DIN)
Cartões Vermelhos: –
Gols: Simon Poulsen (contra) 1’/2ºT (1-0) e Kuyt 39’/2ºT (2-0)

HOLANDA: Stekelenburg, Van der Wiel, Heitinga, Mathijsen e Van Bronckhorst; Van Bommel, De Jong (De Zeeuw, 43’/2ºT) e Sneijder; Kuyt, Van der Vaart (Elia, 21’/2ºT) e Van Persie (Afellay, 32’/2ºT). Técnico: Bert van Marwijk.
DINAMARCA: Sorensen, Jacobsen, Agger, Kjaer e Simon Poulsen; Christian Poulsen, Kahlenberg (Eriksen, 28’2ºT), Enevoldsen (Gronkjaer, 10’/2ºT) e Jorgensen; Rommedahl e Bendtner (Beckmann, 16’/2ºT). Técnico: Morten Olsen.

1 Comentário

Publique seu comentário

  1. gabrielly
    jun 14 at 12:25

    ele foi muito bom? mas o brasil vai ganhaaaaaaaaaaa escutou neeeeeeeeeeee

    BRASISISISISISISLLLLLLLLLLLLLLLL

Publique seu comentário