Argentina estreia com vitória – Argentina 1×0 Nigéria

12 de junho de 2010

O segundo dia de Copa do Mundo 2010 abriu com Coréia do Sul 2×0 Grécia. Os coreanos dominaram a partida e venceram bem a fraca seleção grega com gols de gols de Li Jung-Soo e Park Ji-Sung (melhor jogador dapartida). A Grécia continua com a sina de nunca ter marcado gol em Copa do Mundo e só se safou de levar uma goleada por causa da falta de pontaria dos coreanos.

Mas o jogo mais esperado do dia era a estreia da Argentina na Copa 2010, Argentina x Nigéria. Depois de uma campanha difícil nas eliminatórias sulamericanas, a Argentina chega forte para a Copa depois de bons amistosos.

Os primeiros 20 minutos da Argentina foram muito bons. Os argentinos partiram para cima da Nigéria, sufocaram e chegaram ao primeiro gol com Heinze logo aos 6 minutos. Verón cobrou o escanteio e Heinze cabeçeou sozinho no ângulo.

Messi reafirmou sua condição de melhor do mundo, sendo o melhor em campo no primeiro tempo. De seus pés saíram quase todas as jogadas ofensivas da Argentina. Deu um passe para Higuaín que perdeu um gol feito, finalizou para boas defesas do goleiro Enyeama e chamou o jogo para si, com muita personalidade.

Messi domina a bola no jogo Argentina x Nigéria, Copa 2010

Messi jogou bem e provou que pode ser o melhor da Copa 2010

Messi já volta para o segundo tempo infernizando. O craque lança Verón e corre para a área para receber de volta. Verón cruza bem e Messi tenta desviar com o bico da chuteira, mas a bola vai para fora. A Argentina começava o segundo tempo da mesma forma que começou o jogo, sufocando a Nigéria para marcar o segundo e controlar de vez a partida.

Para tentar conter a enorme pressão portenha, o técnico Lars Lagerback troca na Nigéria. Sai Obinna, entra Martins, jogador ofensivo extremamente veloz. Aos 15 tira Obasi para a entrada de Odemwingie. Mas quem continuava agredindo era a Argentina. Em rápido contra-atque, ficaram 4 arentinos contra 3 nigerianos. Tevez encontrou Messi que limpou a jogada e bateu colocado no canto, mas a bola foi para fora. Um minuto depois, foi a vez de Higuáin perder mais uma boa chance, chutando para a defesa de Enyeama. Ninguém na Argentina sabe porque Higuaín está em campo e Diego Milito no banco. Coisas do chefe Maradona.

Aos 20 finalmente a Nigéria assusta. Taiwo chuta de bico de fora da área e a bola passa rente à trave direita. O placar de 1×0 era perigoso. A Argentina diminui um pouco a correria e toca bola no campo de ataque, mas quando a bola chega em Messi, ele não quer saber de diminuir o ritmo. Parte pra cima da defesa e recebe a falta na entrada da área.

Gol da Argentina

Argentina 1×0 Nigéria

Antes da cobrança da falta, Verón sai cansado para a entrada de Maxi Rodrigues. Messi cobra a falta por cima do gol. Aos 29 Taiwo sai contundido e entra Uche e finalmente Diego Milito vai para o aquecimento. Ao mesmo tempo, Martins entrou pelo meio da defesa argentina e disparou a bomba para a primeira defesa de Romero.

Milito substitui Higauín aos 33 e o jogo esquenta. Messi perde ótima chance depois de tabelar com Di Maria e na sequência, depois de rápida troca de passes nigeriana, Uche perde o gol, chutando por cima da meta argentina.

Com o perigo rondando a casa, Maradona tira o meio-campista Di Maria para a entrada de mais um zagueiro, Burdisso. A Nigéria partia com tudo nos minutos finais. Depois de ter perdido muitos gols, a Argentina passava um sufoco.

Mesmo com convocações e escalações contestadas, Maradona estreou com vitória na Copa 2010. O jogo podeira ter sido mais traquilo para los hermanos se não tivessem desperdiçado tantas oportunidades de gol, mas a Argentina mostrou que vem forte e é mais uma vez uma das favoritas ao título. Messi é definitivamente canditato a melhor jogador da Copa 2010.

Ficha Técnica Argentina 1x 0Nigéria

ARGENTINA 1×0 NIGÉRIA

Estádio: Ellis Park, Johannesburgo
Árbitro: Wolfgang Stark (ALE)
Cartões amarelos: Gutiérrez (ARG); Haruna (NIG)
Gol: Heinze (1-0), aos 6’/2ºT)

ARGENTINA: Romero; Gutiérrez, Demichelis, Samuel e Heinze; Mascherano, Verón (Maxi Rodríguez, 28’/2ºT), Di María (Burdisso, 39’/2ºT); Messi, Tévez e Higuaín (Diego Milito, 33’/2ºT)
T: Diego Maradona

NIGÉRIA: Enyeama; Odiah, Yobo, Shittu e Taiwo (Uche, 29’/2ºT); Etuhu, Kaita e Haruna; Obasi (Odemwingie, 15’/2ºT) , Obinna (Martins, 7’/2ºT) e Yakubu
T: Lars Lagerback Effective Web Design in Reno

Publique seu comentário