Chile abre Gupo H com vitória, Espanha decepciona e África do Sul toma goleada do Uruguai

16 de junho de 2010

Chile 1×0 Honduras foi o jogo que abriu o Grupo H, último grupo a estrear na Copa 2010. Surpreendente, a seleção chilena apresentou um bom futebol, ofensivo, e só não fez mais por causa da boa participação do goleiro Valladares, que inclusive fez uma das maiores defesas da Copa 2010. Deu gosto de ver o Chile jogar pra frente, mesmo depois de ter aberto o placar aos 34 do primeiro tempo o time chileno continuou no ataque até o fim do jogo, perdendo várias chances de ampliar o marcador. Isla cruzou e Beausejour dividiu com o zagueiro para marcar o gol da vitória chilena.

Mas ainda tinha a Espanha. A grande favorita para conquistar a Copa 2010 sofreu com a zebra no jogo contra a Suiça. Espanha 0x1 Suiça, para espanto geral. A seleção suiça fez seu papel. Entrou em campo fechadinha, não deu espaços e esperava aquela grande chance, às vezes a única que acontece no jogo todo, para marcar um golzinho. E deu certo. Logo no começo do segundo tempo, o goleiro Benaglio bateu um tiro de meta e a bola viajou. Derdiyok desviou de cabeça e disparou, recebendo de volta na frente. Ele entrou na área, chutou dividindo com goleiro e zaga e a bola sobrou para Gelson Fernandes marcar o gol da vitória da Suiça. A Fúria saiu de fininho, bem calminha, depois de uma estreia vergosonha.

Veja o Gol da Suiça
Gol de Espanha 0x1 Suiça

Fechando o dia, os donos da casa jogaram a segunda partida contra o Uruguai e tomaram uma goleada. As vuvuzelas ficaram mudas na África do Sul. Diego Forlán marcou duas vezes e Pereira uma, África do Sul 0x3 Uruguai. O sonho de passar para a próxima fase ficou bem distante para a África e bem perto para o Uruguai. Forlán abriu o placar aos 24 do primeiro tempo, em um lindo chute de fora da área. Os Bafana Bafana tentaram, mas pararam na boa marcação uruguaia. Para piorar, aos 30 Suarez driblou o goleiro da África do Sul e foi derrubado. Pênalti e cartão vermelho para Khune. Parreira tirou Pienaar e colocou o segundo goleiro Josephs no gol. Forlán cobrou bem e fez o segundo dele e do Uruguai. Já desolados, os sul-africanos tomaram o tiro de misericórdia no último lance do jogo: Pereira fechou o placar completando cruzamento já nos descontos.

Expulsão do goleiro Khune

Khune faz pênalti e é expulso - Uruguai cala as vuvuzelas

Publique seu comentário