Copa de 1934 – A Itália de Mussolini

5 de fevereiro de 2009

capa1934
Sede – Itália
Campeã – Itália
Final – Stadio Nazionale del P.N.F. (10/06)
Público – 55.000
Placar da final da Copa de 1934
Itália 2×1 Tchecoslováquia (na prorrogação)
Artilheiro da Copa de 1934 – Oldrich Nejedly – Tchecoslováquia – 5 gols

A Copa do Mundo de 1934 foi a primeira na qual os países tiveram que se classificar na disputa das Eliminatórias para poder participar. O número de nações participantes desta vez dobrou em relação à edição anterior. A Copa do Mundo foi conturbada. A Itália vivia sob o regime fascista e a competição foi totalmente voltada para a vitória da esquadra Azzurra, como de fato ocorreu. O ditador Benito Mussolini planejou transformar o evento numa espécie de propaganda pró-regime. A influência indiscutível de Mussolini se impôs em diversos aspectos, como por exemplo a escolha pré-determinada de árbitros “suspeitos” nas partidas da anfitriã Itália. O sueco Ivan Eklind, que apitou a semifinal e a final, teria se encontrado com Mussolini antes das partidas. Misteriosamente, decisões polêmicas foram tomadas, sempre em favor da Itália. Alguns árbitros influenciaram tanto nos resultados da Itália que foram suspensos por suas pátrias após o torneio, caso do suíço René Mercet e do belga Luis Baert. O Uruguai, campeão da primeira Copa, estranhamente não participou (seria a primeira e única vez que uma seleção campeã da Copa anterior não participaria da próxima). A Itália ainda convocou jogadores argentinos que tinham dupla nacionaliadade, como Monti, Orsi e De Maria. Tanto Brasil quanto Argentina contaram com times fracos para a Copa de 1934. Conclusão, Itália campeã da Copa de 1934.

italia_19341

A Itália comemora sua primeira Copa do Mundo. Atualmente ela é tetra campeã mundial.

A Seleção Brasileira na Copa de 1934

A participação da Seleção Brasileira combinou com o time da época: foi medíocre, para não dizer patética. A seleção viajou para a Europa e cumpriu seu papel de figurante. Em um modelo de competição onde todas as partidas eram eliminatórias, o Brasil saiu logo na primeira rodada, perdendo para a Espanha. A falta de preparação do Brasil era clamorosa. Os jogadores, que pareciam que tinham ido para a Europa à passeio, se arrastavam em campo. A Seleção Brasileira precisava urgentemente de uma melhor estrutura e organização.

leonidascopa34 brasil34

O atacante Leônidas da Silva marca o único gol brasileiro na Copa. Na direita, a Seleção de 1934

Resultados da Seleção Brasileira
Brasil 1×3 Espanha
Classificação: 14º

1 Comentário

Publique seu comentário

  1. polianna
    mar 25 at 16:39

    ai que podre……

Publique seu comentário